Caracterização da produção e mercado do maracujá no sul Catarinense

A produção catarinense de maracujá tem reconhecimento nacional principalmente em relação à qualidade dos frutos, características socioeconômicas e tecnológicas dos cultivos. O cultivo de maracujá em Santa Catarina está concentrado em mais de 84% na mesorregião do Sul Catarinense. No Estado Catarinense, o maracujá em 2015 foi a quarta fruta mais representativa em termos econômicos, com mais de R$21,4 milhões de valor bruto da produção (EPAGRI-CEPA, 2016). Entretanto, ainda há relativa insegurança quanto a sua consolidação como atividade alternativa e rentável para o agricultor familiar. Em parte, isso se deve a carência de informações e estudos a respeito das principais dinâmicas socioeconômicos dos atores envolvidos na cadeia produtiva. Dessa forma, estudos socioeconômicos são determinantes para o fortalecimento da cadeia produtiva frente a competitividade e inovações que o setor exige. O objetivo desse estudo foi de identificar características dos produtores rurais e da produção de maracujá e a importância da mesorregião do Sul Catarinense.

Ano: 2017

Autores:
Rogério Goulart Junior
Janice Maria Waintuch Reiter
Marcia Mondardo
Henrique Belmonte Petry

Palavras chaves: Economia agrícola, Fruticultura, Maracujá, Santa Catarina.

© 1996 - 2019 Epagri. Direitos reservados